Música de Nerd & Nerd de Música

Cara, vou te falar. Se tem algo que eu odeio é etiqueta. É regrinha. Mas… tive que me acostumar. Quando a gente entra na loja de cds, vinil ou até procura listinha no spotify, lá estão elas. Etiquetas (fora a do preço). Lo-fi, rock psicodélico, world music, instrumental, shoegaze. Aaaai, meu zaralho. O que não tem ou que eu ainda não vi foi a etiqueta de nerd. Sabe porquê? Porque com música, benhê, somos bem variadinhos e bastante singulares. Me fala aí: o que é música nerd? (o meu email é raquel@minasnerds.com.br ). Vamos fazer o exercício maroto de generalizar. Why not? Se a gente combina, ninguém se machuca (sou do tipo que relativiza).

Tem uma galera que curte música de nicho. Já cansei de tomar uma cerveja no karaokê da Choperia Liberdade escutando as minas cantarem as aberturas de anime em japonês. Ou mandando um k-pop na veia. Não tem jeito, ninguém escapa. São as músicas que você decorou do Guitar Hero, do Just Dance ou do Fifa (tem umas que eu curto horrores, hehe). Ah, todo mundo viciou na trilha do Guardiões da Galáxias, bá, vai, aquilo é bom demais.

Tem nerd que não pira tanto em música aí fica no basicão da rádio 89 e da Kiss FM (aqui em SP). No Rio de Janeiro é aquela que fala: Pô, a Fluminense era muito legal. Cada cidade tem a sua rádio dinossaura que toca o mesmo hit desde os anos 90. Aí fica chorando ouvindo aquele Tears of the Dragon do Bruce Dickson ou aquela clássica do Rock of Ages do Journey. Pearl Jam, Nirvana, Soundgarden… Poxa, acho que quanto mais você cresce, o repertório vai aumentando e você descobre que ser eclético é ok. Quem começa a pirar em punk é assim, começa monotemático e daqui a pouco descobre tudo que é vertente (e se acabando no emo, no math core… bate aqui, faz high five).

A mais clássica é a nerd do metal: Metal!!! Toda nerd que se preze passou pela fase metaleira da pesada. Iron Maiden, Metallica, Sepultura, os grandes clássicos tipo Rush, Dream Theater. Um Led Zeppelin entra aí? Black Sabbath? Com o tempo, a nerd metaleira desenvolve paixões mais detalhadas passando pro rock progressivo (curte aquele Yes, Pink Floyd) ou então para um lance mais demônia, um death metal da Noruega tipo Mayhem ou Gorgoroth Um Hammerfall, Rhapsody of Fire… E o D20 vai Rolando no som do metalllllll.

Não podemos esquecer das morcegonas, nossas góticas estilosas, rouba-corações. Aquela vampiresa maravilhosa que arrasa no delineador (as ineptas da make como eu, mandam um borradão de preto que faz um efeito do mal).  Bauhaus, The Cure, Sisters of Mercy. O tempo vai passando e o eletrônico vai dominando… vira aquele mexidão de referências e daqui a pouco tem o goth com a amiga toda antenado nos djs. Como? Oras, a fila anda, o mundo roda e a gente ouve isso e ainda chora no Bon Jovi (escondido ou não, depende). Toda mina teve aquela fase góticona abusando do lapis preto das lágrimas dark, haha. Falando em estética, tem sempre a rádio que toca os clássicos dos 80 quando a gente vai fazer a unha. Sou fã da Alpha FM – estilo em sintonia com você! 

A maquininha da etiqueta não para> é o Black Friday remarcando as amiguinhas tipo inflação dos anos 80. Lembrei da nerd tech da música. Ainnnn. Sabe aquela amiga que fica pirando na qualidade do áudio? Na limpeza da gravação e naqueles softwares de música? Tá tendo. Ela vai fazer você gastar uma grana trocando essa porcaria de fone de ouvido ensebado que você usa. Cuidado para não ser atropelada pirando muito no som e andando por aí. E tem a rainha vintage da vitrola. Só escuta música em vinil porque é mais roots. Eu até concordo, adoro, só ataca minha rinite no sebo e não tenho espaço na estante… Na luta livro x vinil quem ganha é o mp3 e o ebook porque estante está muito caro. A gente nunca sabe onde vai estar morando amanhã.  

 superheromusicgirl

E aquela amiga do melhor do melhor do melhor e do melhor? Tipo quem pede a carteirinha nerd, só que pede a carteirinha nerd de música. Você gosta de Bowie? Ouviu aquele single japonês de 1804 no Japão? Não? Puxa, pensei que você conhecia Bowie. Essa é a nerd super herói indie. Uma wikipedia ambulante que sabe a data do disco, nome de todos integrantes, de onde veio a ideia do compositor daquela musica que voce gosta. Ela conhece bandas que voce ainda nunca ouviu falar e faz tsc, tsc e recomenda um milhao de coisas que o nome entrou por aqui e saiu por ali. Quando você conhece a banda que ela falou, afff, ela conhece desde a época que o vocalista tinha 13 anos e agora já não acha mais legal. Principalmente porque você conhece. Ela vai salvar você dos perigos da música mainstream.

Não sacaneie a amiga, please, dont get me wrong. Acho que todas temos um pouquinho de tudo. É aquilo né, não dá pra saber tudo de tudo. Dá para tentar e se divertir tentado. Eu queria poder ficar trocando com vocês os vídeos mais bizarros com as bandas mais pá… pena que todo mundo tem mais o que fazer e tem o youtube a a wiki, hihi. A gente se fala nas próximas colunas. E um feliz natal do muso heavy para você:

 


Os artigos aqui publicados são de total responsabilidade de suas autoras e editoras.

Raquel Gariani

Ogra feliz <3