Lara Croft é a rainha dos mobiles em 2015

Nada de Fallout Shelter ou Mr. Jump, o melhor jogo mobile de 2015 ficou para Lara Croft GO, o game de aventura com nossa diva arqueologista lançado para iOS e Android.

Escolhido como o Melhor Jogo Mobile no The Game Awards, na semana passada, o jogo acaba de também ser escolhido como o Melhor Jogo de 2015 para iOS pela equipe da Apple – mesmo não sendo o jogo mais lucrativo da App Store (posição que ficou para Heads Up! Games e Minecraft: Pocket Edition).

Perfeito para quem curte puzzles, o jogo traz de volta o místico dos antigos Tomb Raider de volta em suas missões com arte minimalista e ótima trilha sonora. Além disso, também conta com itens colecionáveis pelas fases para quem curte jogar num modo mais hardcore.

Exemplo de uma fase do jogo Lara Croft GO
Prepare-se para muitas alavancas, rachaduras e criaturs peçonhentas.

Apesar de não ter terminado minha jornada pelo game por estar tomando um caminho mais casual, recomendo completamente o jogo por sua jogabilidade simples e intuitiva – fácil inclusive para crianças –, e por conseguir me impressionar com puzzles em suas fases (principalmente na hora de derrotar criaturas inimigas) mesmo que eu tenha achado que nada mais ia me surpreender depois de Monument Valley.

Vale notar, também, que os movimentos da personagem no game não estão sexualizados, mas sim bem realistas – um alívio para quem estava torcendo para ver a antiga Lara e seus famosos top e shorts (e suas pistolas!) de uma forma nova e diferente. Aliás, outro fator que pode agradar colecionadores é a possibilidade de receber roupas novas para Lara ao se conquistar objetivos!

Exemplo de colecionável no jogo Lara Croft GO
Quem nunca voltou em uma fase só pra caçar os colecionáveis?

Por ser um jogo pago (e ter um preço salgadinho), Lara Croft GO possui todas as missões disponíveis logo no primeiro download, além de ter recebido uma recente atualização com mais conteúdo.

Tirando isso, não posso contar mais nada para não estragar possíveis spoilers de fases e missões. Só digo que, se você ainda não conferiu, está na hora de ir dar uma olhada e, quem sabe, esperar por uma promoção (os links estão no primeiro parágrafo do texto)!


Os artigos aqui publicados são de total responsabilidade de suas autoras e editoras.

Dani Rigon

Tradutora/redatora, viciada em livros, gamer e chefona da Impetus e-Sports. Gosta de gatos, sorvete e sotaque inglês. Se arrepende muito de ter vendido seu N64.