Living la vida: Locas!

Love& Rockets são quadrinhos dos irmãos Hernandez que juntam duas paixões da minha vida: boas histórias e música. O Beto fez Palomar e o Gilberto fez Locas/Loucas (ah e tem o Mario, aquele que dava uma mão pros brous).

Love And Rockets #1, capa do Jaime Hernandez e Carrie Whitney
00 Love And Rockets #1, capa do Jaime Hernandez e Carrie Whitney

A primeira vez que li Palomar ( Heartbreak Soup) do Beto Hernandez, eu me apaixonei pelas personagens femininas e fiquei bem pirada. Conhecer a Luba me deixou de maxilar deslocado, fiquei impressionada com o dedão do meio e o foda-se que ela manda para a sociedade. Ela arranca suspiros pela força da vida que tem e é só de mentirinha!  Depois de Palomar, eu li Rio Veneno. E conheci mais mulheres maneiras: Ofelia, Carmen, Pipo…  Quando acabei Palomar fiquei com aquela sensação ruim de acabar os livros de Game of Thrones. E agora, mamãe? Não vejo mais sentido na vida, quero minha pedra…

Luba
Luba

Fiquei cavando na net procurando mais, mais e mais. Mais viciante que carboidrato. E pam, o irmão do Beto, Jaime, supriu de algum jeito a saudade de Palomar com LOCAS.

Locas conta a história das duas protas: Hoppey e Maggie. A Maggie é uma mecânica de foguetes e a Hoppey é baixista de uma banda. E ainda tem mais mulheres maravilhosas como a Izzy (escritora e bruxinha), a tia Vicky ( manda uma lucha-libre), a Penny… E, ah, porque você está lendo essa declaração de amor na coluna de musica? Simplesmente porque tem tudo a ver! Os Hernandez tem uma pegada alternativa tanto nos quadrinhos quanto nos ouvidos. E simplesmente amo todas as referencias musicais que eles fazem. Li uma entrevista com os irmãos, onde eles falavam das bandas que curtiam e como o punk influenciou na criação dos quadrinhos. As primeiras bandas que ouviram foram Ramones e Patti Smith lá pela década de 70. Logo frequentavam os shows do Black Flag, The Weirdos e curtiam muito bubblegum e bandas de minas dos anos 60.

Capa de Locas 2
Fuçando na internet (naquela esperança brasileira que nunca morre) – buscando uma edição em pdf para tatuar no meu cérebro – eu encontrei um jornalista fanzão que fez uma playlist com as músicas de Locas. O nome dele é Simon Fletcher e o site dele é o Bitchinville. Aí eu fui lá e botei tudo em uma listinha do spotify. Fica aqui para vocês a PLAYLIST ( clica aê).

(por favor, corram atrás das historinhas, você vai me amar pelo resto da vida depois de ler!)

Ficaram faltando algumas, aqui dá pra baixar todas (imagina que nao achei bem a música do Shonen Knife):

Download das musicas 🙂 

Beijo pras locas tudo!


Os artigos aqui publicados são de total responsabilidade de suas autoras e editoras.

Raquel Gariani

Ogra feliz <3