Personagens Femininas Badass: Yuzuriha de Grou

Quando Cavaleiros do Zodíaco veio pra Brasil eu tinha 13 anos e diferente da maioria dos adolescentes da época eu já conheci animes, mas ainda assim a premissa me agradou, quer dizer armaduras, golpes diferentes com efeitos elaborados… e principalmente armaduras.

Mas logo percebi com tristeza que haviam poucas meninas na serie, ainda menos meninas que lutavam. Nisso tínhamos 5 protagonistas homens, e os cavaleiros de ouro eram todos homens – justo os que eu achava mais legais, por que adoro essa ideia de personagens de alto nível de poder que mal se movem pra lutar… rs

Já as mulheres eram coadjuvantes e a mais legal pra mim era Marin de Águia, mestra do protagonista, amazona de prata… mas mesmo com tudo isso sua participação era bem pouco significativa (sendo generosa aqui).

Pra piorar tinha o conceito de que as amazonas deveriam usar máscaras por que uma mulher lutando deveria “esconder sua feminilidade e se igualar a um homem” …tipo em pleno o século 20? Sério? E claro, se um cara visse a mulher sem máscara ela tinha de casar com ele… e se a guria for lésbica? Ou assexuada? Como faz?

Pois bem, ainda assisti o negócio pelas armaduras e cavaleiros de ouro, sempre azeda… até que decidi ver Lost Canvas…

Entra Yuzuriha!
1315706341197_f

Eu já conhecia a personagem por menção de um amigo, maaas já estava tão desapontada com a falta de representatividade feminina em Saint Seiya que comecei a assistir meio desconfiada, mas pra minha surpresa todo o resto do plot começou tão bem e mais elaborado que eu nem tava vendo mais só por causa dela… ai ela fez a primeira aparição, logo de cara mostrando a que veio.

Pois vamos falar dela: Yuzuriha veio de Jamiel, o lugar lá de onde veio o Mu de Áries e foi treinada pelo cavaleiro de prata Hakurei de Altar (que por sinal é um velhinho muito irado!). Ela começa na série sem armadura e luta junto dos outros dois protagonistas Tenma de pégaso e Yato de Unicórnio de igual pra igual. Alias até um pouco melhor que eles.

Yuzuriha03
Ela também parece saber muito mais sobre a vida, o universo e tudo o mais que seus companheiros, sendo aquela que manja das lendas, criaturas e outras coisinhas mais e quem bota ordem quando os coleguinhas começam a brigar entre si como crianças. Ou seja, claramente é a mais madura do rolê.

Mais adiante ela revela simplesmente ser a amazona de prata de Grou (a armadura representa uma garça) e ai eu fiquei tipo… “os caras são cavaleiros de bronze… e a guria é de prata!! Oh SIM, ELA TA NUM RANK SUPERIOR AOS DOS AMIGUINHOS HOMENS!” E pra completar minha felicidade, na mesma sequencia em que descobrimos isso ela basicamente descarta sua máscara dizendo apenas que “ah essa coisa de máscara não daria certo mesmo”… ou seja… tá tem a tradição machista das amazonas usarem máscara? “legal, dane-se, caguei pra isso, vou sem máscara!”

Yuzuriha-de-grou
E absolutamente ninguém enche a paciência dela por conta disso dali pra frente. Eu imagino que seja por ela ser competente, e sim esse é o termo… ou eficiente se preferir. Ela é graciosa, sagaz, perceptiva, controlada e sabe ser violenta mesmo assim.

Em geral ela luta usando seu cachecol que pode manipular por conta de sua telecinese – um dom de sua raça (lemuriana), podendo também estender o mesmo ou super aquecê-lo. Ela combina essa habilidade com golpes velozes e chutes poderosos carregados ou não com seu cosmo.

Kenbu_Shosenkyaku
Por fim como lemuriana é pode se teleportar.

Claro que nem tudo são flores… um padrão que noto em animes shounen é que se uma moça é foda, estilosa e chuta bundas ela tem de pagar o preço sendo sexualizada >> sim por que tem de servir pros homens de algum modo né? Infelizmente Yuzuriha é forte vítima disso, começando pela roupa curta, a armadura que protege mais os membros que qualquer outra coisa, o shortinho curto e closes em ângulos e partes estranhas no melhor estilo Street Fighter V.

Apesar disso ainda acho o visual dela estiloso e pretendo fazer um cosplay dela (só não sei se com ou sem armadura rs), o maior problema pra mim mesmo são esses closes e ângulos em que a colocam.

Concluindo: Yuzuriha é badass, maravilhosa e estilosa! Lost Canvas é muito bom, e ela certamente é um dos muitos motivos.


Os artigos aqui publicados são de total responsabilidade de suas autoras e editoras.

Cecihoney

Mulher trans, lésbica, bruxa que trabalha com pixelart pra games e vive com a cabeça em robôs, naves e engrenagens. Transfã, retrô/indie gamer e parte de uma fusão permanente! Dividida entre lacinhos rosas e armamentos pesados :3