Desnuda: registros cotidianos de Lila Cruz

O ato de despir já começa na capa deste zine, em que a protagonista está vestida numa página translúcida, mas podemos ver sua silhueta nua na segunda capa, que insiste em se mostrar embaixo. Desnuda são recortes de vida, divertidos, doídos, frívolos, intensos, nesse traço delicinha da Lila Cruz.

Os quadrinhos, que às vezes têm uma página, às vezes um tanto mais, contam aqueles detalhes de vida que a gente normalmente tem vergonha de dizer por aí. O fora que levou daquele crush, o medo da página em branco, a procrastinação são alguns exemplos.

desnudapag

Alguns momentos de leveza dançante ao som de Beyoncé e Bruno Mars são intercalados com histórias de depressão e relacionamento abusivo. São encontros e desencontros que fazem parte da vida com um olhar às vezes poético, às vezes divertido.

Capa de Desnuda
Capa de Desnuda

Desnuda é uma publicação da Quadrada, editora independente mantida por Lila Cruz com base em Salvador (BA), “que tem como objetivo a publicação de pequenas tiragens e livros independentes”.
Lila Cruz é zineira, quadrinista, ilustradora e jornalista e seu trabalho pode ser acompanhado no facebook, na Seção de quadrinhos da Revista Capitolina, e no Medium.

Página de Desnuda
Página de Desnuda

Desnuda

Lila Cruz

Quadrada Editora

Número de páginas: 28

Formato: A5

 


Os artigos aqui publicados são de total responsabilidade de suas autoras e editoras.

Roberta AR

Gosto de escrever (o que acabou virando trabalho) e de café. Participo da cena de quadrinhos independentes desde 2007, atuando principalmente na divulgação e na produção. Também sou zineira e escritora.