5 filmes sobre amizade feminina

Desde criança, todos nós aprendemos várias mentiras sobre como as mulheres são e como se relacionam. Não vou entrar muito nesse assunto, mas gostaria de indicar um texto que explica bem a questão, para aqueles que se interessem sobre o assunto: 8 mentiras que nos contam sobre amizade entre mulheres, por Carol Patrocínio.

E para desmentir ainda mais todo esse conto da carochinha que o machismo constrói e divulga todos os dias, segue abaixo uma lista com 5 filmes sobre amizade feminina. Aqui estão mesclados diferentes tipos de amizade, com o intuito de fugir um pouco do estereótipo Patricinhas de Beverly Hills, que é muito utilizado no cinema.

Espero que vocês se emocionem, assim como eu, diante dessas histórias, que fazem lembrar a nossa própria história. E boa seção pipoca!

1) Agora e sempre – 1995

Depois de vinte e cinco anos, quatro amigas de infância que tiveram rumos diferentes na vida se reencontram quando uma delas, Chrissy Williams (Rita Wilson), vai ter um bebê. Uma delas é Roberta Martin (Rosie O’Donnell), sua ginecologista, e as outras que chegam na cidade são Tina Tercyll (Melanie Griffith), que se tornou uma famosa atriz, e Samantha Albertson (Demi Moore), que é uma conhecida escritora. Juntas elas recordam as férias de 1970, quando tinham apenas doze anos e viveram as primeiras emoções do início da adolescência.

2) Tomates verdes fritos – 1991

Evelyn Couch (Kathy Bates) é uma dona de casa emocionalmente reprimida, que habitualmente afoga suas mágoas comendo doces. Ed (Gailard Srtain), o marido dela, quase não nota a existência de Evelyn. Toda semana eles vão visitar uma tia em um hospital, mas a parente nunca permite que Evelyn entre no seu quarto. Em uma ocasião, enquanto ela espera que Ed termine sua visita, Evelyn conhece Ninny Threadgoode (Jessica Tandy), uma debilitada, mas gentil senhora de 83 anos, que ama contar histórias. Através das semanas, ela faz relatos que estão centrados em duas jovens, Idgie (Mary Stuart Masterson) e Ruth Jamison (Mary-Louise Parker), que provocam a ira dos cidadãos menos tolerantes de Whistle Stop. Mas elas fazem um tomate frito que é conhecido como uma iguaria por todos da região. Assim, cativam até os mais hostis, como também a senhora Evelyn Couch, que ouve a história e a partir de então resolve mudar algumas coisas em sua vida.

3) Grande menina, pequena mulher – 2003

Molly (Brittany Murphy) é uma jovem mimada que vive da fortuna deixada por seu pai, um astro do rock já falecido. Após ter toda sua herança roubada pelo seu contador, ela é obrigada a deixar as regalias de lado e procurar emprego. Molly começa então a trabalhar como babá de (Dakota Fanning), uma precoce garota de 8 anos com quem passa a aprender muito sobre a vida.

4) Thelma & Louise – 1991

Cansadas da vida monótona que levam, duas amigas, uma garçonete quarentona (Susan Sarandon) e uma jovem dona-de-casa (Geena Davis) resolvem deixar tudo para trás num fim de semana. Mas no caminho se envolvem em encrencas e acabam sendo perseguidas pela polícia.

5) Caçadoras de aventuras – 1995

Beth Easton (Christina Ricci) é uma jovem de Los Angeles que se muda com sua mãe, Kate (Polly Draper), que recentemente ficou viúva, para uma casa no interior do país que Kate recebeu como herança de uma tia. Elas planejam lá recomeçar suas vidas, ou pelo menos tentar. Inicialmente Beth odeia viver no campo, mas então ela conhece a franca e desafiadora Jody Salerno (Anna Schlumsky). Rapidamente elas se tornam amigas, apesar de Jody e sua mãe, Lynette (Diana Scarwid), serem marginalizadas na região. Jody tem uma má reputação e tem de lidar com a vergonha de ter uma mãe alcoólatra. Beth e Jody têm algumas coisas em comum e uma delas é um espírito aventureiro, que as faz explorar as misteriosas cavernas da Montanha do Urso, pois há uma história que em uma das cavernas há uma fortuna em ouro, esperando para ser encontrada.


Os artigos aqui publicados são de total responsabilidade de suas autoras e editoras.

Bianca Ferreira

Psicóloga, mestranda em psicanálise e dona da Bianqueria.