Fãs pedem para que Mulher Maravilha assuma a bissexualidade em filme

Foram milhares os pedidos de fãs, endereçados à Warner Bros, para que, na sequência de Mulher-Maravilha, a protagonista ostente a sua bissexualidade, já aclamada nas HQs, como falamos nesse texto.   

 

Quase 6 mil pessoas assinaram uma petição no site change.org que foi iniciada por Gianna Collier-Pitts, ex-embaixadora estudantil do grupo norte-americano Aliança de Gays e Lésbicas contra a Difamação (Glaad, na sigla em inglês).

Collier-Pitts disse ter tomado a iniciativa porque acha que o estúdio não abordou corretamente a a sexualidade da Mulher Maravilha no primeiro filme:

“Tudo que peço é que a Warner Bros reconheça Diana Prince diretamente pelo que ela é, pelo que sempre foi (independentemente de seus interesses amorosos atuais), e o que seu personagem poderia representar para milhões de pessoas”, escreveu Collier-Pitts na introdução à petição.

 

 


Os artigos aqui publicados são de total responsabilidade de suas autoras e editoras.

Gabriela Franco

Jornalista especializada em cultura pop, produtora, cineasta e mãe da Sophia e da Valentina Criadora do MinasNerds.