Internet faz homenagem à ilustradora Qinni

Internet faz homenagem à ilustradora Qinni

Qinni perdeu a batalha contra o câncer, mas está eternizada no coração de seus fãs

por Thania Thaddeu

A artista canadense Qing Han (29), conhecida como Qinni, morreu por consequência do tratamento contra o câncer no último dia 8 de fevereiro, após uma longa batalha por sua saúde, que incluiu 4 cirurgias de coração e sessões de quimioterapia.

A informação foi confirmada oficialmente pelo irmão da ilustradora e consternou a todos. Sob a hashtag #galaxiesforqinni , as homenagens estão por toda a Internet, com novos posts aparecendo a cada minuto.

View this post on Instagram

Official public confirmation post. My sister, Qing Han (@qinniart), passed away suddenly on February 8, 2020. She has had a profound impact on the direction of my life. I’m sure many others can say the same. Her artwork touched many people. I kindly ask that you refrain from adding me on my personal Facebook profile. I know that the original post was there. That post has been set to private. Many of those adding, I’m sure, have pure and good intentions. However, I would like my personal Facebook profile to remain a personal, private channel of communication for friends and family. Since her passing was sudden, I am currently unable to get a hold on her accounts at the moment. There will be further updates as to the future of these accounts. Thank you for your support and understanding. You may share your thoughts and comments here.

A post shared by 韓澤・Ze Han (@zirocketart) on

Estrela no DevianArt

Qinni, de 29 anos, começou a publicar seus trabalhos em 2008 no DevianArt, onde conseguiu mais de 100 mil seguidores e mais de 3 milhões de views, fazendo com que se tornasse uma das artistas mais populares da plataforma. Em 2017, foi premiada com o Deviousness Award, por sua “atuação exemplar como membro da comunidade DevianArt e seu excepcional espírito altruísta em ajudar e inspirar outras pessoas”.

“Qinni é uma deviant que se esforça não só para melhorar a si mesma, mas também aos artistas à sua volta”, disse o DeviantArt à época da premiação. “Enquanto seu trabalho artístico é sempre espetacular, o que faz de Qinni um membro tão valioso da nossa comunidade é sua dedicação em ajudar seus colegas artistas a crescerem, ao compartilhar tutoriais e vídeos de seus processos de criação.”

Inspiração para milhões de fãs

O sucesso no DevianArt seguiu Qinni até o Twitter (194,9 mil), o Facebook (634 mil) e o Instagram (2,3 milhões), onde conquistou a admiração de milhões de pessoas em todo o mundo, com suas ilustrações etéreas e inspiradas no estilo mangá.

As lindas mulheres com “galáxias de sardas” criadas por Qinni inspiraram filtros no Snapchat, tutoriais de maquiagem e os primeiros passos de muitos dos artistas que povoam hoje a internet. Em seu perfil do youtube, as dicas sobre técnicas de desenho e pintura se tornaram também muito populares.

Um sentimento de todos nós

Em 2015, Qinni anunciou pela primeira vez que tinha uma condição cardíaca genética, que exigiria cirurgias de coração aberto. Nos anos seguintes, o público acompanhou, por meio das ilustrações e posts na redes da artista, as várias internações em hospital, períodos de recuperação e tratamentos. E também os momentos de depressão, frustração e medo que envolviam ser uma jovem de vinte e poucos anos enfrentando uma doença grave.

View this post on Instagram

It’s time…hammer time hahahaha. I wish I had some hammer time pants ??. Just waiting for the doctor now.???. For those who don’t know, I’m getting a heart procedure done today! Lots of waiting around rn tho…

A post shared by Qing Han (@qinniart) on

A luta constante por sua saúde esteve muitas vezes presente nos trabalhos de Qinni, pois a artista sempre buscou ser transparente sobre as situações que vinha enfrentando.

A honestidade e a coragem de Qinni em expor sua luta e seguir criando apesar das dificuldades, fez com que muitos fãs não só admirassem a técnica e a beleza dos seus desenhos, mas também se conectassem com seus sentimentos. Ironicamente, algumas de suas ilustrações se tornaram super populares como memes, sendo transformados em piadas e figurinhas de whatsapp.

Galáxias para Qinni

A notícia do falecimento de Qing Han deixou a internet devastada e criou uma merecida onda de homenagens, com novos posts aparecendo a cada minuto. Veja abaixo alguns exemplos de tributos em perfis do Instagram e procure pela hashtag #galaxiesforqinni no Instagram  e no Twitter para ver mais.

Thania Thaddeu

Jornalista formada pela PUC-Rio, já passou pelo UOL e diversos outros veículos, entre jornais, revistas e sites, especialmente nas pautas sobre tecnologia. Participou do MinasNerds de 2016 a 2020. Mãe de uma “crionça” e três gatas, arranha um pouco de desenho e se interessa por todo tipo de nerdice: quadrinhos, cinema, séries, games, RPG, boardgames, e arte em geral.

CONTINUE LENDO

COMPARTILHE

MAIS LIDOS