Tony Hawk planeja jogo de skate no metaverso com NFTs

Um dos maiores skatistas da história do esporte, o estadunidense Tony Hawk planeja um jogo de skate no metaverso com NFTs em parceria com a The Sandbox. Na quarta-feira (dia 13), o atleta anunciou que pretende montar “o maior parque de skate do metaverso”. O projeto desenvolvido na rede blockchain Ethereum ainda conta com a Autograph, plataforma de NFTs do jogador de futebol americano Tom Brady

De acordo com o vídeo do anúncio de Hawk, os usuários vão poder construir suas rampas, montar seus desafios de skate e desbloquear equipamentos para personalizar seus avatares. 

O jogo contará com roupas, skates e itens temáticos de Tony Hawk em forma de tokens não fungíveis, desenvolvidos pela Autograph. Os itens não serão apenas colecionáveis, mas terão funcionalidades dentro do jogo.

Tony Hawk e os NFTs

Essa não é a primeira investida do atleta no universo da Web3. No ano passado, Hawk anunciou em suas redes sociais que leiloaria um vídeo da última vez em que executou a manobra Ollie 540. O vídeo foi cunhado como um NFT e leiloado na plataforma Ethernity Chain, conhecida por destinar partes de seus lucros a causas sociais. Ele também investiu em uma coleção Preseason, em que os tokens autografados davam acesso a experiências exclusivas.

Posteriormente, o skatista lançou a coleção NFT “Last Trick”, ou “Última Manobra”. Os colecionáveis digitais mostram manobras memoráveis de Hawk em formato de NFTs animados. A Last Trick já contava com a Autograph como parceria. 

O que é a Autograph?

A Autograph é um marketplace de tokens não fungíveis, co-fundado pela estrela do Super Bowl, o jogador Tom Brady. Após seu lançamento, a plataforma ganhou um impulso com diversas parcerias no mundo dos esportes, inclusive uma coleção de NFTs exclusivos de Brady. 

Em janeiro deste ano, a empresa anunciou que havia arrecadado R$170 milhões em uma rodada de financiamento para expandir suas operações. 

O metaverso The Sandbox

The Sandbox é um jogo e um universo virtual baseado em tecnologia blockchain e na rede Ethereum. Ele possui uma criptomoeda própria, a SAND. O usuário pode adquirir o token no jogo ou em exchanges de criptomoedas. 

Neste metaverso, o jogador pode comprar terrenos e propriedades e até mesmo alugá-los para outros usuários. Além disso, o jogo permite que seus usuários criem e negociem itens virtuais em forma de NFTs.
The Sandbox já vem recebendo investimentos de diversas empresas e pessoas importantes. A Adidas, por exemplo, já comprou uma propriedade para criar o AdVerse, um ambiente virtual da marca. O rapper Snoop Dogg também já adquiriu vários terrenos no metaverso. Outros nomes e marcas envolvidos com a The Sandbox são Os Smurfs, The Walking Dead e Atari. 

Os metaversos são um novo terreno instigante para investidores. Segundo a empresa de consultoria e tecnologia Gartner, 25% das pessoas vão passar pelo menos uma hora no metaverso até 2026. 

O mundo do skate e os NFTs

Além de Tony Hawk, outros nomes do mundo do skate já investiram em coleções próprias de NFTs. Alguns exemplos são Christian Hosoi, Tommy Guerrero e Kareem Campbell. O skatista brasileiro Bob Burnquist também é um nome importante no setor. Recentemente, ele até lançou um projeto educacional com foco em criptomoedas e NFTs para ensinar jovens de comunidades carentes.

CONTINUE LENDO

COMPARTILHE

MAIS LIDOS